Segunda-feira, 13 de Novembro de 2006
“TERRITÓRIO OCUPADO”

danielmelin21.jpg


Vi recentemente no Museu Afro Brasil a exposição “Território Ocupado” onde se reflecte sobre a arte grafitti ampliando a temática aos territórios mais vastos da arte contemporânea. Sobre os artistas expostos disse-se no portal ODC (On Demand Community): “A experiência que Speto, Nunca, Ciro, [Daniel] Melim, Kboco e Onesto desenvolvem nas ruas, comunidades e entre os grupos de grafiteiros, aponta um conjunto de novas possibilidades expressivas para a cultura da imagem contemporânea. Ao invés de incitar o exotismo da linguagem do grafitti, Território Ocupado, amplia o contacto com artistas que agem fora do circuito convencional da arte e que, neste caso específico, representam a nova geração do grafitti, revelando habilidades e raciocínios paralelos à onda de apropriações tecnológicas da imagem, em softwares pré-determinados e fórmulas copiadas da cultura pop. Valorizar a trajectória de artistas dotados de uma capacidade positiva e descomunal de improvisar, adequar-se à realidade do imediato, do momentâneo, às linguagens tradicionais e à transcendência de suportes, este é o objectivo do Território Ocupado".


danielmelin11.jpg


Fiquei muito impressionada com as obras em tela de Daniel Melin expostas no Museu e desde as Belas Artes que sou admiradora da cultura pictórica urbana. Dediquei-me ao estudo dos tags no metro nova iorquino quando estudante do quarto ano de Artes Plásticas/Pintura e tenho "kilos" de fotografias de paredes de vários lugares e cidades do mundo.


danielmelin1.jpg




9 comentários:
De António a 13 de Novembro de 2006 às 22:59
Não nos queres mostrar algumas? Aqui.


De mouseland a 14 de Novembro de 2006 às 01:45
Olá António, :mrgreen::smile::cool:

Prometo abrir uma área de viagens na mouselândia mas não já pois ainda não tenho as fotografias que revelei em papel digitalizadas e só quando o fizer terei tudo a postos... hehehe.

xxx mouse


De MQ a 14 de Novembro de 2006 às 10:05
OLÁ Pat
Estou tb mto interessada nessas imagens tuas dos "tag". Qdo puderes disponibiliza ok? E acerca desta exposição Território Ocupado? Fiquei cheia de vontade de ver...Tens meios de nos fazer ver as imagens? Acho fantástico.
Bjos,
MQ


De mouseland a 14 de Novembro de 2006 às 14:10
Olá MQ, :mrgreen::smile::cool:

Não sei se seguiste os links dos autores..? Alguns têm sites próprios e outros têm obras visíveis em sites agregadores da cultura grafitti como este "Artsampa": http://www.artsampa.com/art_escritores.php (estão mesmo divididas por áreas e categorias); ou, este, http://www.lost.art.br/kboco.htm; também achei piada a este: http://www.chocolatemusic.com.br/casting/speto.htm;

O movimento grafitti tem ligações evidentes ao hip hop e à cultura pop digital sendo que a internet é um canal privilegiado de divulgação das obras e dos encontros e intervenções. O museu Afro Brasil infelizmente não tinha nenhum catálogo com as obras expostas mas ontem percebi que não é dificil arranjar material on-line dos artistas representados nesta mostra (vou enviar-te umas fotos de Daniel Melin por e-mail que tirei da net). Obras soberbas, hehehehe.

As minhas imagens fotográficas de paredes são derivas situacionistas :wink: e já tiveste oportunidade de ver pelo menos a sua versão NY, hehehe.

xxx mouse


De mouseland a 14 de Novembro de 2006 às 14:23
Aqui um texto no site "chocolate music" sobre a área e os cruzamentos:

http://www.chocolatemusic.com.br/crew.htm

xxx mouse:mrgreen:


De Carpinteiro a 16 de Novembro de 2006 às 01:01
Mouse,

Gostei muito deste teu post. Há muita qualidade nestas imagens! Para além desse enquadramento em movimentos sociais que reclamam para o domínio público espaços crescentemente apropriados pelos privados - por privilégio ou pela 'tirania' da publicidade - marca-se o individualismo na sociedade de massas. Mas para mim, que também sou uma apreciadora de arte, tudo isto ganha particular grandeza quando o talento transparece e a 'marca' individual é uma expressão artística de relevo. Aí, para além de fazer pensar, é bom demorar o olhar.

xxx :wink:


De mouse a 16 de Novembro de 2006 às 19:57
Olá Miss Carpinteiro, :mrgreen::mrgreen::mrgreen:

Estas imagens são de facto surpreendentes. E ao vivo ainda têm maior impacto. Nesse sentido, a dualidade entre espaços públicos e privados de que falas, São Paulo é bem mais misturado e menos se notam as fronteiras entre os territórios embora, por exemplo, a Bienal de São Paulo este ano tenha tentado contrariar uma crescente participação das classes A e B e trazer a exposição para lugares de passagem públicos. Em outros campos a diferenciação de classes é, no entanto, muito mais acentuada mas pelo menos a arte tenta contrariar essa tendência através de discursos mais "miscigenados"...
xxx mouse



De guilherme a 17 de Janeiro de 2007 às 05:31
Deixo aqui alguns sites:
http://www.k-spray.com/
http://www.urbanminds.pt.vu/
http://www.graffiti.org/

:lol:


De mouseland a 17 de Janeiro de 2007 às 14:40
Obrigada pela informação, Guilherme! :mrgreen: Já estive a espreitar os sites.

xxx mouse


Comentar post

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Março 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

31


.posts recentes

. EM SÃO PAULO, ENTRE OS RU...

. "THE LAST OF US", AMOR, L...

. QUE SORTE PODER VOLTAR A ...

. MEXICO DF UMA CIDADE ONDE...

. A MINHA SAGA COM O CANDY ...

. QUATRO FILMES A NÃO PERDE...

. PABLO ESCOBAR, O PATRÃO D...

. A MINHA FRUSTRAÇÃO COM O ...

. "THE WALKING DEAD" (GAME)...

. NUMA JANGADA DE POVOS IBÉ...

.arquivos

. Março 2014

. Dezembro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Maio 2012

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

.tags

. apostas

. arte e design

. artes e design

. cibercultura

. ciberfeminismo

. cibermemórias

. cinema

. colaborações

. divulgação

. enigmas

. entrevista

. exposições

. festas

. game art

. game art exposições

. gamers

. iconografias

. indústria de jogos

. interfaces

. jogos e violência

. livros sobre jogos

. mouse conf.

. mouse no obvious

. mouseland

. myspace

. pop_playlist_game

. portfólios

. script

. segredos

. séries tv

. teatro

. textos

. viagens

. viagens cinema

. todas as tags

.links
.participar

. participe neste blog

.MOUSELAND _ PATRÍCIA GOUVEIA
ARTES E JOGOS _ DIGITAIS E ANALÓGICOS
blogs SAPO
.subscrever feeds